A Elite, por Kiera Cass

17 abril 2014
A EliteA Seleção #2, por Kiera Cass
Seguinte, 354 páginas (Parceria)
A Seleção começou com 35 garotas. Agora, restam apenas seis, e a competição para ganhar o coração do príncipe Maxon está acirrada como nunca. Quanto mais America se aproxima da coroa, mais se sente confusa. Os momentos que passa com Maxon parecem um conto de fadas. Mas sempre que vê seu ex-namorado Aspen no palácio, trabalhando como guarda e se esforçando para protegê-la, ela sente que é nele que está o seu conforto. America precisa de mais tempo. Mas quando ela está às voltas de seu futuro, perdida em sua indecisão, o resto da Elite sabe exatamente o que quer – e ela está prestes a perder sua chance de escolher.

No final de A Seleção America tem uma grande surpresa ao saber que Aspen é agora um soldado, e um guarda do palácio. E além disso também há uma grande dispensa, restando apenas ela, Marlee, Celeste, Kriss, Natalie e Elise. E depois de todos os encontros com Maxon, America fica dividida entre dois amores, e não lhe resta muito tempo, logo o príncipe terá que escolher quem será sua futura esposa.
Com a ajuda de Maxon, America consegue descobrir mais dobre o Hallowen e é idéia dele fazer uma festa e ter como convidados os familiares das garotas da Elite. O que ocorre após a festa é que é o problema. Li o livro com ansiedade, pois esperava muito dele, e não vou negar tem muita ação e muitas surpresas.
O que me incomodou em A Elite foi que em grande parte da trama fica por conta do triângulo amoroso de America, e para não dizer que é somente isso também tem Kriss que está mais próxima do príncipe, o segredo de Marlee e as invasões que ficam mais constantes.
Como havia dito na resenha anterior Maxon não tem muita voz dentro do palácio, e neste livro vemos como o rei Clarkson realmente é e como ele age com seu filho, um homem no mínimo assustador. Fiquei com pena de Maxon por tudo que ele passava com o pai, e ao mesmo tempo fiquei comovida porque uma pessoa que geralmente tem uma educação agressiva como a que ele tem deveria seguir o mesmo exemplo, mas não o príncipe é carinhoso, compreensivo e generoso, assim como sua mãe.
Aspen apesar de todas as suas tentativas me pareceu egoísta, tive a impressão de que ele estava sempre tentando colocar America contra Maxon, sendo que o que ele deveria fazer era tentar ganhar o coração dela, deixando a garota ainda mais confusa.
O final me deixou bastante ansiosa para ler A Escolha, quando America quase vai embora. Chega logo maio! Bem, quem leu o primeiro tem que ler esse, e ficar assim como muitos só esperando o desfecho dessa trama.

“Como é amar? (...)
- É a coisa mais maravilhosa e terrível que pode acontecer com você – afirmou com simplicidade. – Você sabe que encontrou algo incrível e quer levá-lo para sempre consigo. E um segundo depois de ter aquilo, você fica com medo de perder.”
Lucy, A Elite *pg. 73

Breve comentário: O Guarda
Provavelmente vocês notaram que não sou uma fã de Aspen, por isso não li o segundo conto com muito entusiasmo. E não, não consegui mudar minha opinião sobre ele, ainda o acho egoísta. Em algumas partes do conto dava para ver como ele estava irritado por saber que estava perdendo America, e suas atitudes eram: bater em uma tora de madeira, e , fazer a cabeça da amada contra o príncipe (Parabéns Aspen, você está fazendo isso certo! Sqn).

Breve comentário: Contos da Seleção

Nesse livro especial temos os dois contos da série O Príncipe e O Guarda, além de um trecho do próximo livro A Escolha, que foi posto aqui para deixar todo mundo ainda mais ansioso. Além dos extras: entrevista com a autora, lista completa das selecionadas, lista das castas, árvore genealógica (de America, Aspen e Maxon) e as playlist oficiais dos dois primeiros livros. Em síntese, o livro é muito bom, dá para conhecer um pouco mais da autora e o que a fez criar essa história fantástica, e claro dá vontade de reler o livro ao som das músicas que inspiraram Kiera.


Série A Seleção

A Elite #2
A Escolha #3
(Contos da Seleção 1.5 e 2.5 +Extras)

2 comentários:

  1. Oi Raquel!

    Como já disse na resenha do primeiro livro, essa série não me conquistou, apesar de me divertir. Tive a mesma impressão com A Elite que com a seleção com a diferença que no segundo livro os três personagens principais me irritaram bastante. A história que mais gostei foi a da Marlee.

    Beijos

    http://poesiasprosasealgomais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Fran, a Marlee também me agradou, fiquei impressionada com ela e seu segredo!
      Beijos

      Excluir

Obrigada por comentar e volte sempre !