Questões do Coração, por Emily Giffin

09 dezembro 2011

Questões do Coração, de Emily Giffin
Novo Conceito, 438 páginas
Tessa Russo é mãe de duas crianças e esposa de um renomado cirurgião pediatra. Apesar dos avisos de sua mãe, Tessa recentemente abriu mão de sua carreira pra se focar na família e na busca da felicidade doméstica. Ela parece destinada a viver uma boa vida. Valerie Anderson é advogada e mãe solteira de Charlie que tem apenas 6 anos e nunca conheceu o pai. Depois de muitas decepções, ela desistiu do amor - e até mesmo das amizades - acreditando que é sempre mais seguro não ter muitas expectativas. Embora as duas mulheres vivam no mesmo subúrbio de Boston, elas tem muito pouco em comum além do amor pelos filhos. Mas numa noite, um trágico acidente faz suas vidas se encontrarem de um jeito inesperado.
Em uma história alternativa e com vários pontos de vista, Emily Giffin nos emociona com um livro luminoso em que boas pessoas são pegas em circustâncias insustentáveis. Cada um sendo testado de maneiras que nunca pensaram ser possível. E cada um deles descobrindo o que realmente importa.
Não sei se quem já leu se surpreendeu como eu, realmente eu não imaginava que a história caminharia assim. Deixe eu explicar.
A história ora é contada pela Tessa ora pela Valerie, na verdade nem é assim, quando é a parte da Tessa é na primeira pessoa e na Valerie na terceira.
Tudo começa quando o filho da Valerie, o Charlie, sofre um acidente em uma festinha do colega de classe. Ele tem queimaduras no rosto e na mão, é de cortar o coração, e o médico dele é o Nick, marido da Tessa. Nick cria uma afeição muito grande pelo menino e o mesmo acontece da parte de Charlie que não tem pai e acaba colocando o Nick com esse papel. Nick acaba se envolvendo com Valerie por causa de seu filho e trai sua esposa. Tessa fica sem saber o que fazer, pois é um caso que se repete como o de sua mãe.
Realmente quando eu li a sinopse eu pensei que as duas virariam grandes amigas devido a coincidência do médico/marido, nunca se passou pela minha cabeça um caso entre eles. Fiquei com muita pena do Charlie por ele ser criança e já sofrer pela falta do pai, por seu caso chato de saúde e principalmente por ele ser adorável e sofrer pelo acontecido. Valerie deveria ter visto isso. Fiquei mais alarmada ainda com Tessa que não merecia de forma alguma essa traição e é claro o final me deixou realmente de boca aberta.
Dei a nota alta realmente pelo fato de me surpreender assim drasticamente e é claro por ser um livro completamente incrível, muito descritivo, não deixou uma gota sem explicação, gostei muito da forma que a autora abordou o caso. Recomendo! Me diz você o que acha que aconteceu com o Nick? 

3 comentários:

  1. Eu não li esse livro, mas sabia que rolaria um caso ai nessa história..Acho legal ser contado cada cap por uma personagem, pois assim passamos a conhecê-las melhor..

    Beijos
    :D

    ResponderExcluir
  2. Eu nem imaginei caso haha
    É legal mesmo a forma que a autora colocou.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Desde o lançamento deste livro tive curiosidade para ler,mas nunca o comprei(kkkk).A sua resenha apesar de estar curta,esta bem explicativa,achei isso maravilhoso,serio!
    Na próxima semana vou a livraria para comprar este livro e começar na minha próxima lista.

    Beijokas Ana Zuky

    AMEI sua resenha

    ResponderExcluir

Obrigada por comentar e volte sempre !